Como é viajar pela Worldpackers?

0
291

 

Eu decidi viver a experiência da Worldpackers pra ver como era esse lance de trocar tempo e trabalho por acomodação e comida! Tenho vários amigos que já fizeram, gostaram e vivem viajando assim. Por isso, decidi que já tava mais do que na hora de eu tentar também! Afinal, falou que dá pra viajar barato eu tô querendo! E, como eu sei que tem muita gente que tem vontade de fazer, mas tem medo ou se sente inseguro de viajar assim, resolvi fazer esse post bem explicativo em forma de perguntas e respostas. Mas, se ainda ficar qualquer dúvida ou você sentir que precisa daquele empurrãozinho pra viver essa experiência, me manda um email ou deixa sua dúvida nos comentários que eu respondo tudo!

 

O QUE É A WORLDPACKERS?

A Worldpackers é uma plataforma brasileira que permite você viajar e trabalhar durante a viagem trocando sua força de trabalho (habilidade, vontade de aprender e ajudar) e seu tempo – durante algumas horas do seu dia – por acomodação e comida em vários países do mundo.

Apesar de ser uma plataforma brasileira, a Worldpackers oferece anfitriões (estabelecimentos cadastrados e analisados) em qualquer parte do mundo que precisam de todo tipo de trabalho e ajuda, o que significa que você vai encontrar na plataforma desde hotéis/hostels grandes e renomados até pequenos estabelecimentos que começaram agora e precisam de ajuda pra crescer e se estabelecer.

A Worldpackers começou fortemente na área hoteleira, ou seja, você vai encontrar muitas opções de hotéis, hostels e pousadas na plataforma, mas com a aderência de muitos viajantes a necessidade por outros tipos de trabalho aumentou e com isso a plataforma se expandiu pra outros tipos de áreas como: ONG’s, projetos sociais, eco vilas, permacultura, fazendas, trabalhos que envolvem gerenciamento de redes sociais, desenvolvimento de sites, fotografia e muito mais.

OBS: A Worldpackers disponibiliza a plataforma tanto na versão desktop (computador) quanto na versão aplicativo (celular).

COMO FAZ PRA COMEÇAR A VIAJAR PELA WORLDPACKERS?

As oportunidades da Worldpackers estão abertas pra que qualquer pessoa possa fazer pesquisas no site, ou seja, você pode acessar agora https://www.worldpackers.com/ e procurar destinos que tanto sonhou em conhecer e procurar anfitriões que se conectem com seus objetivos de viagem.

Você vai conseguir ter acesso a todos os projetos e ver todas as oportunidades e benefícios que cada anfitrião oferece. Vai conseguir checar se aquela cidade que você quer conhecer tem anfitriões legais pra te receber, vai conseguir entender se o que eles te pedem você consegue oferecer e vai conseguir ver que dá pra conciliar o trabalho com o turismo no local.

No entanto, pra ter acesso à:

– Candidatura nas vagas;

– Conversas com os anfitriões;

– Confirmação de aceite da hospedagem;

– Suporte da Worldpackers antes, durante e depois da viagem;

– Uma conta verificada que aumenta suas chances de ser aceito pelos anfitriões.

Você precisa pagar 49,00 dólares anuais! Você só paga uma vez e pode usar quantas vezes você quiser em quais países você quiser por 365 dias a partir do dia que você faz sua inscrição! Ahhh! Esse valor de 49,00 dólares é fixo, ou seja, todo mundo paga a mesma taxa de inscrição não importa que destino escolha ir primeiro, já que a plataforma te dá direito de viajar pelo mundo todo num prazo de 1 ano com essa única taxa.

OBS: Usando meu código VIDAMOCHILEIRA#WP você ganha 10,00 dólares de desconto e só paga 39,00 dólares por ano pra viajar de forma ilimitada pra onde você quiser sem pagar por acomodação e muitas vezes sem gastar, ou gastando muito pouco, com comida.

Pense nas viagens que você quer fazer, se planeje e se cadastre na Worldpackers pra fazer viagens mais econômicas e com um tipo de vivência completamente diferente.

DICA ESPERTA: O dólar tá caro sim e muita gente vai usar o argumento de que não tem R$ 145,00 reais pra gastar, mas o que eu posso te dizer é que esse dinheiro não será um gasto e sim um investimento em viagens futuras.

Se você gosta de viajar, vale a pena investir uma única vez esses 39,00 dólares pra usar a plataforma quantas vezes quiser, não gastar com acomodação em nenhum dos destinos que você for, não gastar (ou gastar muito pouco) com comida e ter uma experiência de turismo diferente através dos olhos de quem é nativo ou mora lá há muitos anos.

 

PRÉ-REQUISITOS PRA USAR A WORLDPACKERS:

– Ser maior de 18 anos;

Acabou! Só tem esse pré-requisito pra usar a plataforma da Worldpackers.

 

TEM IDADE MÁXIMA PRA SE VOLUNTARIAR?

Não! A idade mínima é 18 anos, mas não existe restrição de idade máxima. Se você tem disposição e quer ajudar e aprender, é só se cadastrar na plataforma, achar um anfitrião e ir!

 

COMO SE CADASTRAR NA WORLDPACKERS?

PASSO A PASSO.

Pra se cadastrar, você vai preencher seu nome, e-mail, criar uma senha e aceitar o termos de uso da plataforma. Depois vai preencher qual a sua nacionalidade e onde você está morando no momento. A partir daí você vai selecionar as opções que mais tem a ver como você no sentido de: estilo de viagem, interesses de viagem, destinos para as próximas viagens e que tipos de trabalho você gostaria de oferecer pra ajudar.

Vão aparecer diversas oportunidades ligadas às respostas das perguntas anteriores justamente pra te possibilitar alinhar seus objetivos de viagens com as necessidades dos anfitriões, fazendo com que a relação dessa experiência seja a mais benéfica pra ambas as partes.

Logo à direita da tela (se você estiver no computador) vai ter um box escrito “Torne-se membro” onde você vai fazer a parte da verificação da conta para que você esteja apto a conversar com os anfitriões e também confirmar as viagens através da plataforma. É nessa parte que entra o pagamento da taxa anual de 49,00 dólares.

Antes de pagar a taxa, você vai completar o seu perfil de viajante, preenchendo perguntas básicas como: línguas que você fala e quais são suas habilidades. Depois você faz upload de uma foto sua e preenche um formulário contando suas experiências de vida: educação, experiências profissionais e experiências de viagem.

E aí entra a parte do pagamento dos 49,00 dólares anuais (que você paga apenas uma vez por ano): você vai preencher seus dados do cartão de crédito ou escolher pagar no boleto bancário.

Logo abaixo dessas formas de pagamento tem a opção “CÓDIGO PROMOCIONAL”, que é onde você coloca o código VIDAMOCHILEIRA#WP pra ganhar 10,00 dólares de desconto e só paga 39,00 dólares por ano pra viajar de forma ilimitada pra onde você quiser sem pagar por acomodação e muitas vezes sem gastar, ou gastando muito pouco, com comida.

OBSERVAÇÃO MUITO IMPORTANTE SOBRE A RENOVAÇÃO DO CADASTRO: A plataforma da Worldpackers NÃO renova o seu cadastro automaticamente após 1 ano. Por isso, você será cobrado apenas uma vez e terá direito a usar a plataforma por 365 dias contando da data do seu cadastro. Após 1 ano a sua inscrição expirará e se você quiser renovar o seu cadastro será redirecionado à página de cobrança novamente.

O QUE EU GANHO QUANDO ME CADASTRO NA WORLDPACKERS?

A possibilidade de viajar de forma mais econômica pelo mundo todo – com a certeza de ter hospedagem e, pelo menos, uma refeição por dia em troca do seu trabalho. Além disso, você poderá viver uma experiência diferente com nativos do destino que você estiver visitando e, é claro, vai poder fazer novos amigos durante a sua estadia no local.

A Worldpackers NÃO financia o transporte do viajante até o destino escolhido. Todas as despesas com transporte, visto, seguro viagem, comida extra (que não está incluída no benefício descrito pelo anfitrião) e passeios são de responsabilidade do viajante.

 

PRECISO DE VISTO DE TRABALHO PRA USAR A WORLDPACKERS FORA DO BRASIL?

Não! O trabalho voluntário não é caracterizado como um trabalho especializado onde você precisa de visto pra trabalhar. Na verdade, a plataforma não pretensão nenhuma de marginalizar a mão de obra qualificada das pessoas locais substituindo-as por estrangeiros. A ideia da plataforma é possibilitar um estilo mais barato de viagem, mas sem vínculo empregatício. A Worldpackers não quer tirar o emprego das pessoas que já moram no local e sim conectar viajantes que querem ajudar e aprender com anfitriões que precisam de uma mão de obra temporária pra alguns trabalhos pontuais e corriqueiros.

Ou seja, você como turista pode usar a plataforma da Worldpackers em qualquer lugar do mundo desde que respeite os limites do seu visto de turista em cada local.

Por exemplo, brasileiros quando viajam a turismo por menos de 90 dias, não precisam de visto para viajar para a quase todos os países da Europa. Isto porque a maioria dos países europeus faz parte do Espaço Schengen, de livre circulação, que não exige a autorização prévia de brasileiros. Por causa do acordo de Schengen o visto de turista é único para todos os países do acordo (26 países envolvidos), não permitindo que você fique mais de 90 dias na área do acordo. O que você pode fazer se quiser ficar mais de 90 dias na Europa é ficar um tempo num país que não faz parte do acordo de Schengen e depois voltar pra região do acordo pra ficar mais 90 dias.

No entanto, existem outros países que você precisa pagar pelo visto de turista como é o caso dos EUA, Canadá e Austrália por exemplo. Então, se informe sobre o destino que você quer ir pra ver se pede visto de turista ou não e, se pedir, entenda que a plataforma e os anfitriões não arcam com esses custos.

Caso você ainda esteja confuso com a questão do visto de turista na Europa eu gosto muito de um blog chamado Projeto Vira Volta onde eles dão várias dicas sobre vistos e planejamento de viagem. Coloquei AQUI o link do post que eles explicam direitinho o acordo de Schengen. 

  • Inclusive peguei as imagens abaixo desse blog “Projeto Vira Volta” que super recomendo pra quem gosta de viajar barato!

QUE TIPOS DE HABILIDADES POSSO EXPLORAR/DESENVOLVER VIAJANDO COM A WORLDPACKERS?

– Administração (reservas e pagamentos);

– Cuidar de animais;

– Artes (pintando, esculpindo, desenhando);

– Bartender (fazer drinks e organização de estoque);

– Cuidar de crianças;

– Ajuda na limpeza (cozinha, banheiro, quartos e outras áreas);

– Cozinha;

– Jardinagem (plantar, cultivar, colher);

– Consertar e construir;

– Cuidar e arrumar (trocar roupa de cama dos quartos);

– Música (fazer shows);

– Turno da noite (recepção, guarita, etc);

– Pintar e decorar;

– Organizar eventos e festas;

– Fotografia;

– Recepção;

– Mídias sociais.

– Trabalho social;

– Ensinar idiomas;

– Ensinar esportes;

– Guia local;

– Produção de vídeo;

– Desenvolvedor web

 

PRECISO TER EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL PRA ME CADASTRAR NA PLATAFORMA?

Não! Você pode ter 18, 24 ou 30 anos e nunca ter trabalhado na sua vida e mesmo assim será bem recebido na plataforma. Isso porque a plataforma não está buscando só pessoas com formação ou já capacitadas que querem viajar barato, ela busca pessoas que queiram aprender e se transformar durante a própria viagem e isso inclui pessoas que não tem qualquer experiência profissional.

Na minha opinião, nesse caso da Worldpackers, é muito mais importante você ter força de vontade de aprender e querer fazer a diferença, pró atividade e mente aberta do que ter uma graduação ou 10 experiências profissionais diferentes.

A plataforma procura pessoas que tenham habilidades diferentes e que tenham facilidade pra coisas que talvez nunca tivessem pensado em trabalhar com isso. São 10 áreas que você pode encontrar uma brecha pra desenvolver aquela habilidade que você ama fazer, mas que não é seu trabalho primário. E, pra quem nunca trabalhou na vida, eu acho que usar a plataforma da Worldpackers como um ponta pé inicial pra compor o seu currículo é uma ótima ideia, já que você vai aprender muitas coisas ao longo dessa experiência e mostrar pro seu futuro contratante que você é uma pessoa diversificada com mente aberta e tem vontade de aprender.

Se o seu trabalho num anfitrião for super legal e você tiver aprendido muitas coisas e contribuído de forma ativa pra melhoria do estabelecimento, eu inclusive acho que você pode colocar esse anfitrião como sua referência profissional no currículo (avisando a ele, é claro) pro caso de um futuro contratante numa entrevista de emprego querer entrar em contato pra pegar referências suas.

 

QUE TIPOS DE TRABALHOS A WORLDPACKERS OFERECE?

– Receber e ajudar hóspedes;

– Comunicação e Marketing;

– Divertir e entreter hóspedes;

– Reformar e decorar;

– Ensinar e compartilhar;

– Trabalho comunitário;

– Cuidados com a natureza;

– Cozinha e Bar

– Melhorias em sites e SEO;

– Tarefas de casa

 

IMPORTÂNCIA DE TER UM PERFIL COMPLETO E DIVERSIFICADO NA PLATAFORMA DA WORLDPACKERS

Quando você se cadastra você preenche um questionário curto contando um pouco mais sobre você, suas habilidades, gostos, experiências profissionais e de viagem. Esse será seu perfil na plataforma e todas as informações que você escreve na sua “página” poderão ser lidas por outros viajantes e por qualquer anfitrião (estabelecimentos cadastrados e analisados).

Por isso, quanto mais criativo, verdadeiro, pró-ativo e disposto a aprender e viver novas experiências você for, maiores são as chances de você ser aceito rapidamente pelos anfitriões. Lembre-se que assim como você, outras dezenas de viajantes estão aplicando nas mesmas vagas e você precisa buscar um diferencial pra mostrar pro anfitrião porque você é a pessoa certa pra aquele trabalho.

Óbvio que a parte do chat é muito importante também, porque é quando você começa a conversa com seu potencial anfitrião pra entender o que ele espera de você e o que você espera dele. Esse é o momento de você vender seu peixe da melhor forma possível alinhando seus objetivos de viagem, experiências anteriores e habilidades às necessidades dos anfitriões. Mas, lembre-se que antes, durante ou depois do chat com você o anfitrião pode clicar e ver o seu perfil, então tenha certeza de que você transparece no seu perfil tudo aquilo que você realmente é pra nenhuma das partes se frustrar. 

CONSIGO GANHAR DINHEIRO VIAJANDO PELA WORLDPACKERS?

Não! A plataforma tem como objetivo proporcionar uma experiência de viagem diferente e mais econômica para as pessoas que amam viajar. O intuito do site é possibilitar que mais pessoas viajem através da certeza de ter um lugar pra se hospedar e, pelo menos, uma refeição por dia.

O acordo que o anfitrião (estabelecimentos cadastrados e analisados) faz com você através da plataforma é bem claro: força de trabalho em troca de acomodação e comida. Você não usa a plataforma da Worldpackers pensando em fins lucrativos durante a viagem e sim na experiência que vai viver, dos amigos que vai fazer e das histórias que vai contar!

Se você quiser usar seu tempo livre durante a sua viagem (depois de ter trabalhado as horas necessárias pro seu anfitrião) pra investir na venda de brigadeiro, artesanato, música de rua, fotografia, poesia… Aí é por sua conta, desde que isso não interfira ou prejudique o acordo que você fez com seu anfitrião.

Mas, pense bem qual é o objetivo da sua viagem antes mesmo de você ir. Se for fazer turismo, talvez você não consiga conciliar o trabalho no anfitrião + turismo + fazer dinheiro no tempo livre. Vai precisar focar ou em fazer turismo ou fazer dinheiro no tempo livre, já que trabalhar no anfitrião é um requisito pra você ter direito à acomodação e comida.

Óbvio, que se você for ficar um longo período no destino escolhido, talvez você até consiga fazer turismo no início e mais pro final da viagem investir em alguma coisa no seu tempo livre pra fazer uma graninha extra por lá, tendo sempre cuidado com as leis do local de destino.

 

COMO ENCONTRAR UM ANFITRIÃO?

É muito mais simples e divertido do que você imagina e, confesso, que no final dá vontade de sair aplicando pra todas as vagas porque é realmente incrível como o filtro da plataforma realmente conecta seus objetivos de viagem e habilidades a anfitriões que precisam daquilo que você pode oferecer.

Pra começar a explorar a gama de oportunidades e projetos que a Worldpackers oferece é só vocês clicar na lupinha onde tá escrito “Anfitriões”, ali você pode escolher o destino que você quer ir tanto pelo continente quanto sendo mais específico e digitando o local que quer viajar.

Do lado esquerdo (de quem tá usando o computador) você tem a opção de selecionar as “áreas” que gostaria de trabalhar: Intercâmbio de trabalho, Impacto social, Projetos ecológicos ou todas essas opções juntas (você pode querer ver todas as oportunidades se estiver disposto a trabalhar em qualquer área).

Do lado esquerdo você também consegue selecionar projetos que têm necessidade de viajantes por datas. Então, você vai ver projetos que precisam de pessoas no mês de Novembro, Dezembro, Janeiro e por aí vai.

Você faz suas pesquisas e seleciona todos os anfitriões que te interessarem. Cada anfitrião tem sua própria “página” onde eles descrevem o que esperam de você (quantas horas de trabalho por dia, o tipo de trabalho, etc) e o que podem te oferecer (folgas, tipo de acomodação, quantas refeições, descontos em festas ou passeios, lavanderia, etc).

Cada anfitrião também coloca na sua página seus próprios requisitos, porque apesar da Worldpackers permitir viajantes a partir dos 18 anos, alguns estabelecimentos têm requisito da idade mínima ser 21 anos. Além disso, os anfitriões também colocam nessa área de requisitos se você precisa dominar alguma prática específica (exemplo: desenvolvedor de site, barista, carpinteiro, etc) e quais idiomas eles precisam que você fale (não necessariamente você precisa falar vários idiomas, muitas vezes os estabelecimentos brasileiros só pedem o português mesmo).

Mais abaixo o anfitrião diz qual é o tempo mínimo e qual é o tempo máximo que você pode ficar trabalhando com ele em troca de acomodação. É importante você ficar atento nessa parte pra não se oferecer pra ficar um período menor do que eles precisam e acabar perdendo o seu tempo e o tempo do anfitrião aplicando pra vaga.

Você consegue ver os relatos de pessoas que já tiveram a experiência da Worldpackers nesse estabelecimento. Consegue ver a pontuação do anfitrião e uma breve apresentação do que é e qual o objetivo do estabelecimento/projeto. Consegue também ver fotos do lugar que você quer ir e a taxa de resposta daquele anfitrião pras pessoas que aplicam pras vagas.

Por isso, você precisa gastar umas boas horinhas analisando os muitos anfitriões pra selecionar aqueles que você acha que estão alinhados com os seus objetivos de viagem. Confesso que prefiro fazer essa busca de anfitriões pelo celular porque acho mais dinâmica e é basicamente a mesma coisa que eu citei acima sendo que em vez de ter a lupinha escrito “Anfritriões” vão ter duas abas principais na parte superior: “Descubra” e “Oportunidades” e acima delas terá um campo com uma lupinha escrito “Qualquer lugar”, clicando nessa lupinha você vai fazer toda filtragem que precisa pra achar os anfitriões que mais se adequam com você.

Aí depois que você achou alguns anfitriões que gostou você vai preencher um formulário básico com as seguintes informações: data de chegada e data de saída, porque você gostou da vaga e o que ela tem a ver com seus objetivos, contar um pouco sobre quem é você, quais são seus planos, o que você faz e o que quer fazer, o que você pode contribuir pro estabelecimento/projeto, etc. Cada anfitrião faz um formulário diferente que geralmente não dá mais de 4 perguntas.

Nesse formulário tente ser o mais verdadeiro, diversificado, criativo e proativo possível porque você estará a um passo de enviar a sua inscrição pro anfitrião e logo depois disso vocês já vão pra um chat conversar sobre a vaga. O fato de você ir pra um chat com o anfitrião não quer dizer necessariamente que ele te aceitou ou que ele sequer vai te responder. Você pode até mandar mensagens no chat, mas cabe a ele responder e te aceitar ou não. Paciência! Por isso, é recomendado que você aplique pra muitas vagas ao mesmo tempo pra ter mais opções de respostas e escolha.

Depois que você conversar com o anfitrião, ele te responder e te aprovar aí sim tá tudo certo e você já pode marcar a sua viagem! \o/

OBS: Você tem a possibilidade de salvar os anfitriões que você gostou na sua lista de desejos. É só clicar no coraçãozinho que esse anfitrião fica numa lista de fácil acesso no seu perfil e só você pode ver.

OBSERVAÇÃO MUITO IMPORTANTE: Recomenda-se que você procure anfitriões e mande mensagens com, pelo menos, 1 mês de antecedência da data que você quer viajar pra dar tempo deles responderem e vocês conversarem pra acertar tudo. Além disso, recomenda-se também que você sempre mande mensagem pra, pelo menos, 5 anfitriões diferentes pra não ficar restrito a uma única possibilidade e ter mais chances de fechar logo a viagem pra data e destino que você planejou.

DICA: Lembre de ativar as notificações do seu aplicativo pra que toda vez que algum anfitrião te responder você consiga ver rapidamente pra responder logo em seguida e dessa forma não perder a oportunidade da vaga.

DICAS PRA ESCOLHA DE UM ANFITRIÃO

Na hora de pesquisar um anfitrião preste atenção nos filtros que você vai selecionar e tenha certeza de que todos têm a ver com seus objetivos de viagem, com quem você é e com o que espera vivenciar.

Não se afobe querendo encontrar logo qualquer anfitrião só porque quer viajar barato ou acumular destinos da sua listinha, porque se você não focar nos seus objetivos e nos seus gostos, pode ter uma experiência negativa pela Worldpackers e se frustrar porque não era o tipo de trabalho que você esperava ou o tipo de acomodação que você queria, etc!

Converse bastante com seu anfitrião no chat, entenda direitinho onde é o estabelecimento/projeto (como chega, quais são os transportes que passam lá, etc), como será a refeição (tem hora, que tipo de refeição, etc), confirme o tipo de acomodação que será (mesmo que já esteja escrito na descrição da vaga) e o mais importante: entenda como serão suas horas de trabalho (flexíveis, por turnos, etc) e qual será efetivamente seu trabalho naquele estabelecimento/projeto.

Acho que o combinado não sai caro e se você tem todas essas informações claras e escritas, você faz a viagem mais confiante e seguro e também passa confiança pra sua família, que provavelmente deve tá morrendo de medo de você fazer esse estilo de viagem, né?!

Ahhh! E eu sou dessas que gosta de ter tudo confirmado por escrito pra não dizer que falou uma coisa e entendeu outra, se tá escrito tem que ser aquilo que foi acordado por ambas as partes!

 

QUANTO TEMPO OS ANFITRIÕES DEMORAM PRA RESPONDER?

Essa pergunta é relativa porque depende de anfitrião pra anfitrião. Você pode ver a taxa de resposta de qualquer anfitrião na página dele. Basta clicar na oportunidade/vaga que deseja aplicar e ver no final da página a taxa de resposta que vai de 0% a 100%. Além disso, abaixo da taxa de resposta você também consegue verificar quantos dias em média aquele anfitrião demora pra responder.

 

QUE TIPOS DE ACOMODAÇÃO TENHO DIREITO?

Cada anfitrião oferece um tipo de acomodação (às vezes até dois tipos e aí vale confirmar pelo chat) e você precisa checar na página do anfitrião que tipo de acomodação terá direito. Mas, as opções basicamente são:

– Quarto privado;

– Quarto compartilhado;

– Dormitório dos funcionários;

– Barraca/tenda

 

TENHO DIREITO À COMIDA?

Cada anfitrião oferece um esquema diferente em relação à comida. Na hora de selecionar os filtros de pesquisa de anfitrião você consegue escolher: todas as refeições ou pelo menos uma refeição. E aí consegue avaliar se a vaga faz sentido pra você.

De novo, reforço que é importante conversar no chat e esclarecer tudo certinho não só sobre a acomodação, mas também sobre a sua refeição: terá horário, é self-service, é café da manhã mesmo ou só almoço?

Digo isso porque o meu anfitrião, por exemplo, tinha na descrição que me ofereceria café da manhã e quando eu cheguei lá me ofereceu todos os dias almoço (o que pra mim foi até melhor mesmo). Como foi a minha primeira vez eu nem me atentei pra isso, então por isso digo que o combinado não sai caro! 

POSSO VIAJAR EM CASAL PELA WORLDPACKERS?

Pode sim! Mas, os dois terão que ter contas separadas na Worldpackers e aplicar pra mesma vaga de forma individual mencionando, é claro, na sua mensagem de inscrição que viajará com companhia (o seu parceiro(a) deve fazer o mesmo).

 

QUANTO TEMPO PRECISO TRABALHAR SE EU USAR A WORLDPACKERS?

Como eu mencionei antes, cada anfitrião escolhe seu requisito pro seu estabelecimento/projeto. O tempo mínimo que já vi até hoje foi de 2 dias e o máximo que eu já vi foi de 2 meses, mas é óbvio que cada anfitrião define o que for melhor pro seu negócio e aí vai depender de você avaliar as datas e ver se serve pro seu objetivo de viagem ou não.

Além disso, uma outra dúvida que pode surgir em relação ao tempo de trabalho é a quantidade de horas que você precisa trabalhar por dia! Mais uma vez eu repito: isso depende de cada anfitrião. Tem anfitriões que pedem 4 horas diárias e anfitriões que pedem 6 horas, confesso que o mais comum é o trabalho de 6 horas por dia com duas folgas na semana. Mas, até as folgas são definidas e descritas na página de cada anfitrião.

 

CONSIGO PLANEJAR UMA VIAGEM PRA MAIS DE UM DESTINO USANDO A WORLDPACKERS?

Sim! Basta você se planejar, ver quantos dias tem pra viajar, ver quanto tem pra gastar (já que transporte, visto, comida extra, seguro viagem e passeios são por sua conta) e traçar mais ou menos um roteiro básico dos destinos que quer conhecer pontuando as datas que gostaria de estar em cada local. Dessa forma você pode mandar mensagem pra vários anfitriões de locais diferentes pensando já no seu roteiro.

Exemplo: Você quer viajar dia 01/05 pra Lisboa (4 dias) > Madrid (4 dias) > Barcelona (6 dias) > Paris (6 dias)

Aí você manda mensagem pra vários anfitriões de Lisboa contando que chega dia 01/05 e fica até 05/05, depois já manda mensagem pra vários anfitriões de Madrid contando que sua chegada será dia 05/05 ou 6/05 dependendo do seu horário de partida de Lisboa e sua partida será dia 10/5 e assim por diante.

Dá sim pra viajar pra vários destinos numa mesma viagem usando a Worldpackers! Basta você ter flexibilidade, planejamento e organização!

 

DÁ PRA FAZER TURISMO VIAJANDO PELA WORLDPACKERS?

Dá sim! É super possível conciliar o trabalho com o turismo. Você precisa apenas administrar bem o seu tempo e esquecer o cansaço! Afinal, você está viajando e qualquer tempo livre é hora de conhecer novos lugares, fazer amizades e explorar novas culturas.

Você vai ficar cansado sim, mas não é um cansaço que vai te impedir de turistar. Pelo contrário! Não importa o quão cansado você esteja depois de um trabalho, quando você acaba suas horas trabalhando parece que sua energia muda e você logo se anima pra turistar e bater perna por aí.

Alguns trabalhos você fica sentado o tempo todo então provavelmente não ficará tão cansado, outros tem que colocar a mão na massa e catar as folhas do chão de um terreno enorme debaixo do sol (foi mais ou menos o que eu fiz, mas no meu caso foi chuva) e aí já se sentirá mais cansado, outros você vai trabalhar diretamente com o público fazendo entretenimento e outros você terá turnos noturnos, mas não importa que tipo de trabalho você vai fazer, na sua hora livre você pode fazer o que quiser e só isso já é suficiente pra te animar em dose tripla!

Não tô de forma alguma dizendo que os trabalhos mais pesados que te deixam um pouco mais cansados são chatos e devem ser evitados, pelo contrário, acho que qualquer trabalho é uma experiência nova de aprendizado e eu amei a minha experiência de rastelar (varrer as folhas do chão) o terreno da pousada que fiquei em Paraty. Acho que quando você se predispõe a fazer uma viagem através de uma plataforma como a Worldpackers é pra viver essa experiência de mente aberta e com pró-atividade.

Eu, por exemplo, tinha flexibilidade no meu horário. Tinha que trabalhar 6 horas por dia e eu podia escolher as horas. Então, nos dois primeiros dias trabalhei bem cedo na parte da manhã e 13:00 já tava liberada pra turistar. No meu terceiro dia eu decidi inverter e fui turistar de manhã e voltei 13:30 pra trabalhar, mas poderia ter voltado até um pouco mais tarde se eu quisesse.

Ou seja, se você já sabe o que quer visitar naquele destino, basta finalizar suas horas de trabalho e organizar seus passeios por dias. Se você viaja sem roteiros, tudo bem também, pergunte aos nativos da região o que tem pra fazer por lá e aposto que você vai se divertir muito, mesmo sem ter planejado nada.

QUE CUIDADOS PRECISO TER USANDO A WORLDPACKERS?

Apenas confirmar tudo com seu anfitrião antes de ir pra saber se o que ele vai te oferecer é o que você realmente espera. Isso evita frustrações de ambas as partes e expectativas demais onde não devem ser colocadas.

Outra coisa que eu sempre recomendo é avisar aos amigos e família pra onde você está indo. Passe o nome do anfitrião (estabelecimento ou projeto), telefone, endereço, site, redes sociais e qualquer outro tipo de informação relevante, além dos dias que você pretende chegar e sair daquele anfitrião. Isso te dá mais segurança e confiança pra viajar e também deixa a sua família um pouco mais tranquila. Ahhh! Lembre de avisar quando chegar!

De resto, minhas recomendações na plataforma são as que eu citei acima:

Converse bastante com seu anfitrião no chat, entenda direitinho onde é o estabelecimento/projeto (como chega, quais são os transportes que passam lá, etc), como será a refeição (tem hora, que tipo de refeição, etc), confirme o tipo de acomodação que será (mesmo que já esteja escrito na descrição da vaga) e o mais importante: entenda como serão suas horas de trabalho (flexíveis, por turnos, etc) e qual será efetivamente seu trabalho naquele estabelecimento/projeto.

Acho que o combinado não sai caro e se você tem todas essas informações claras e escritas, você faz a viagem mais confiante e seguro e também passa confiança pra sua família, que provavelmente deve tá morrendo de medo de você fazer esse estilo de viagem, né?!

Ahhh! E eu sou dessas que gosta de ter tudo confirmado por escrito pra não dizer que falou uma coisa e entendeu outra, se tá escrito tem que ser aquilo que foi acordado por ambas as partes! É muito importante que todos esses acordos e explicações do anfitrião sejam feitos/registrados através da plataforma pra você ter o respaldo do suporte da Worldpackers caso algo não saia como o combinado e aí você tem as mensagens através da plataforma pra provar.

 

PRECISA FALAR INGLÊS OU ESPANHOL PRA USAR A WORLDPACKERS?

Não! Você não precisa falar várias línguas pra viajar pela Worldpackers. Cada anfitrião coloca na sua página os requisitos pro seu estabelecimento ou projeto. São eles que definem quais são as línguas necessárias e qual o nível de proficiência que eles esperam de um candidato.

A Worldpackers em si não estipula qualquer pré-requisito ou restrição de língua pra utilização da plataforma. Óbvio que quanto mais línguas você falar mais oportunidades você terá e mais fácil será de ter sua candidatura aprovada pelos anfitriões.

Você consegue encontrar muitos anfitriões no Brasil, por exemplo, que só pedem mesmo o português! 

 

A WORLDPACKERS TEM SEGURO VIAGEM?

A Worldpackers tem um seguro viagem que está alinhado com os objetivos da plataforma, que é garantir a acomodação do viajante enquanto ele trabalha pra um anfitrião.

O seguro de viagem da Worldpackers funciona assim: se por algum motivo o anfitrião não respeitar o acordo feito previamente através da plataforma, durante a primeira semana, a Worldpackers pagará ao viajante 3 noites de hospedagem em outro hostel na mesma cidade e o suporte da plataforma atuará ativamente na realocação daquele viajante em outro anfitrião na mesma cidade. Além disso, o anfitrião que desrespeitou o acordo feito com o viajante será penalizado (depois da análise do caso) tendo seu estabelecimento retirado da plataforma.

No entanto, a plataforma não cobre o seguro viagem de acidentes, emergência médica, extravio de malas e voos cancelados, por exemplo. É muito importante que você tenha um seguro viagem que vá te dar a tranquilidade de viajar de forma segura.

Fazer seguro viagem é trabalhar com possibilidades. Se acontecer algo durante a viagem e eu não tiver seguro vou conseguir arcar com as despesas? Ou é melhor eu me precaver pagando um valor relativamente baixo (se comparado a tudo que o seguro cobre) que vai me dar mais segurança de estar coberta pra qualquer imprevisto, desde perda de bagagem, roubos e acidentes.

Eu explico tudo sobre seguro viagem, onde fazer, quanto é e se vale a pena nesse post: “Preciso fazer seguro viagem pra viajar?” 

É SEGURO VIAJAR USANDO A WORLDPACKERS?

Eu posso falar pela experiência que vivi que achei tudo muito transparente e correto. Desde a filtragem dos anfitriões, às conversas que tive com cada anfitrião, até de fato a minha experiência viajando através da plataforma eu não tenho absolutamente nada do que reclamar.

A plataforma é segura e tenta manter um controle, da melhor forma possível, da qualidade dos anfitriões inscritos. Mas, infelizmente se um anfitrião falta com a palavra ou descumpre o acordo estabelecido previamente através da plataforma não é culpa da Worldpackers. O que pode ser feito nesses casos é denunciar o anfitrião ao suporte da plataforma para que eles façam uma nova avaliação pra julgar se mantém ou não esse anfitrião cadastrado no sistema.

DICA MUITO IMPORTANTE PRA MARINHEIROS DE PRIMEIRA VIAGEM: Se você, depois de ter lido tudo isso, ainda estiver com medo de viajar o mundo usando a plataforma, dê passos pequenos! Em vez de já marcar a sua primeira experiência usando a Worldpackers num outro país, que tal testar a plataforma indo até a cidade vizinha da sua, ou talvez num estado vizinho do seu. Fica uns 4 ou 5 dias experimentando esse estilo de viagem e se você se sentir bem e confiante aí você pode dar voos mais altos e mais longes, né?

Eu, por exemplo, estava no Rio e como sempre quis conhecer Paraty fiz meu primeiro Worldpackers pra lá, uma cidade que fica há apenas 5 horas da minha! E foi incrível. Não é a distância que vai dizer se sua viagem será maravilhosa e cheias de aventuras e sim o seu espírito desbravador e o seu coração aberto às novas experiências e pessoas.

Essa foi a minha primeira experiência usando a plataforma da Worldpackers e já posso dizer que quero usar muitas outras vezes! 🙌 ⠀

 

Espero que esse post tenha sido útil e se você conhece alguma pessoa que precisa ler isso, compartilha o link com ela!

Ahhh! Me segue lá no Instagram (@vidamochileira) pra ver as minhas aventuras em tempo real.

Beijos

Mary⠀

 

Gostou das dicas do blog?

Toda vez que você usa um link do blog, eu ganho uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso (nadinha)! Você simplesmente me ajuda a continuar produzindo conteúdos que, com certeza, vão te ajudar nas suas próximas viagens!

Os links do Vida Mochileira são de serviços que eu mesma uso e recomendo:

– Worldpackers ($10 dólares OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA#WP): Worldpackers
– Hospedagem: Booking.com, Airbnb
– Seguro Viagem (5% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA5): Seguros Promo
– Fale Inglês de GRAÇA (10% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA10): Fale Inglês de GRAÇA
– Aluguel de carro: Rentcars
– Passeios no Atacama e Salar de Uyuni (10% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA10):
Entre em contato com a @fuigosteitrips pelo e-mail: trips@fuigosteicontei.com.br

Muito Obrigada! Me segue também no Instagram (@vidamochileira) pra acompanhar minhas aventuras!