É permitido levar carregador portátil no avião?

3
8455

 

Muita gente acha que é proibido levar carregador portátil de celular – os famosos power banks – no avião, mas a verdade é que é permitido levar sim, mas só até um certo nível de voltagem pra segurança do próprio voo já que algumas baterias podem superaquecer e “explodir”.

 

É permitido levar power bank no avião?

Pra felicidade geral da nação e dos viciados em celular, eu digo que sim! 😊 É permitido levar carregador portátil nos voos e também é permitido carregar todos os seus aparelhos pelo famoso power bank (excluindo as horas de decolagem e pouso, onde os comissários de bordo pedem que todos os aparelhos eletrônicos sejam desligados e que os passageiros não usem o power bank nesses dois específicos momentos).

Mas, é importante ficar atento porque os power banks contem bateria de íon-lítio e por isso só podem ser transportados na bagagem de mão. Outra coisa pra ficar atento é na capacidade do seu power bank, pois existe um limite na capacidade aceita que é referente à segurança dos voos.

No entanto, a gente sabe que sempre rola a exceção à regra, né? Apesar de quase todas as companhias permitirem que a gente leve carregador portátil no voo, é sempre bom conferir no site da sua companhia aérea se ela permite o transporte de power bank no voo e qual é o limite de capacidade indicado para o power bank (cada cia aplica suas regras em relação à capacidade da bateria).

 

É permitido levar o carregador portátil na mala despachada?

Infelizmente não! Os carregadores portáteis só podem ser transportados na mala de mão! Notícia ruim pra galera que gosta de levar muamba pra família quando viaja, né? (#soudessas) hahahahahahaha Na Inglaterra o power bank custa 5,00 libras e toda vez que vou pro Brasil quero levar 100 power banks pra família e pros amigos! :p

Apesar de contraditório você poder levar o power bank na mala de mão e não poder levar na mala despachada, as razões são plausíveis e fazem sentido. Se você despachar os power banks e um deles explodir durante o voo, fica muito difícil pros tripulantes evidenciarem o problema pra resolverem com rapidez, mas se por algum motivo o seu power banl explodir na cabine, os comissários de bordo conseguem identificar o problema com agilidade e minimizar os danos.

 

Qual é a potência permitida pra levar o power bank no avião?

De acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) é permitido transportar na cabine power banks que tenham até 100Wh de potência (você pode levar mais de um power bank, desde que eles sigam os limites de capacidade permitidos pela cia aérea). Como a maioria dos carregadores portáteis estão dentro desse limite não precisa se desesperar muito, apesar de ser muito bom sempre conferir antes a potência do seu carregador pra não passar vergonha, né? Porque tem uns power banks que são super potentes e acabam sendo vetados na hora de embarcar, mesmo estando na mala de mão.

Como citado acima, cada companhia aérea aplica sua regra em relação à potência dos power banks permitidos em voo. Apesar da regra geral ser 100Wh (a maioria das cias permite essa potência), existem algumas cias que permitem power banks um pouco mais potentes, mas, ressaltando de novo, vale sempre conferir diretamente no site da sua cia aérea pra não ter stress no dia do voo, tá?

Algumas companhias permitem power banks que tenham a potência entre 100 Wh e 160 Wh, mas aí vale você checar no site pra ver se tem algum procedimento especial. E, segundo os regulamentos da IATA é necessário embalar o power bank mais potente de uma forma especial, mas isso tudo você pode checar com sua cia aérea também.

 

Como eu calculo a capacidade do meu carregador portátil?

Você consegue calcular a potência do seu carregador se você souber sua tensão (V) e a capacidade em Ampere/hora (Ah).

A tensão e a capacidade das baterias dos power banks estão indicadas na parte de trás da maioria dos carregadores, mas se no seu não tiver nada indicando, a tensão média da maioria das baterias dos power banks é de 3.7V.

Agora você só precisar fazer os cálculos: tensão (V) X corrente (Ah) = Potência (Wh)

Exemplo: Meu power bank tem 2200 Ah (ou 22,0 Ah) de capacidade e 5.3 V de tensão

5.3V x 22,00Ah = 116,6 Wh (watt-hora)

 

Relatos:

Como eu disse ali em cima, eu amo carregar muamba pro Brasil e da última vez que eu fui levei uns 4 power banks na mala despachada e ninguém me parou ou pediu pra eu retirar os carregadores da mala. A mala foi linda e bela pro Brasil e os 4 power banks chegaram lá intactos. MASSSSS, eu não sabia dessa regra de que não pode levar power bank na mala despachada e, com certeza, eu dei sorte!

Quando postei sobre isso no Instagram (@vidamochileira) vários seguidores vieram me dizer que quando levaram power bank na mala despachada foram parados. Algumas cias pediram só pra eles tirarem da mala despachada e passarem pra mala de mão e outras pediram pra eles jogarem fora os power banks.

Então, mesmo que seus power banks respeitem a capacidade permitida pela companhia aérea, não tente leva-los na mala despachada porque a probabilidade de mandarem você abrir a mala e tirar é muito grande e aí vai ser dor de cabeça e stress à toa. Então, é melhor levar na mala de mão mesmo do que correr o risco, né?

Observação: Eu sempre levo 3 carregadores portáteis de celular na minha mala de mão. Eles têm 116 Wh cada e eu nunca tive problemas.

 

RESUMO:

– É permitido levar carregador portátil no voo desde que ele tenha entre 100 Wh e 160 Wh (a maioria das cias só permite até 100 Wh). No entanto, cada cia aérea aplica suas regras, por isso vale conferir no site.

– Só é permitido levar carregador portátil na mala de mão. NÃO é permitido levar na mala despachada por motivos de segurança do voo.

– Você pode levar mais de um power bank, desde que eles sigam os limites de capacidade permitidos pela cia aérea. Eu sempre levo 3 carregadores portáteis (116 Wh cada) na mesma mochila.

 

Espero que esse post tenha sido útil pra você e se você curtiu, compartilhe com quem tem as mesmas dúvidas.

Me segue no Instagram (@vidamochileira) pra acompanhar as minhas dicas de viagem em tempo real!

Beijos e até a próxima!

 

Gostou das dicas do blog?

Toda vez que você usa um link do blog, eu ganho uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso (nadinha)! Você simplesmente me ajuda a continuar produzindo conteúdos que, com certeza, vão te ajudar nas suas próximas viagens!

Os links do Vida Mochileira são de serviços que eu mesma uso e recomendo:

– Hospedagem: Booking.com, Airbnb
– Seguro Viagem (5% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA5): Seguros Promo
– Aluguel de carro: Rentcars
– Passeios no Atacama e Salar de Uyuni (10% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA10):
Entre em contato com a @fuigosteitrips pelo e-mail: trips@fuigosteicontei.com.br

Muito Obrigada! Me segue também no Instagram (@vidamochileira) pra acompanhar minhas aventuras!

  • Lags

    Olá Maryana,

    Gostei muito do seu blog, pois tem justamente as informações necessárias para as dúvidas que todos temos.
    Neste caso específico, existe uma confusão com os cálculos da parte elétrica nos valores de capacidade do carregador portátil.
    O seu carregador provavelmente tem 2200 mAh (mili ampere hora) e cada 1 A (ampere) equivale a 1.000 mA (mili ampere). Tendo 2200 mAh, equivale a 2,2 Ah e não 22 Ah.
    Assim, o correto é 5.3V x 2,20Ah = 11,66 Wh (watt-hora), bem abaixo do limite de 100 Wh citado.
    Caso tenha havido um erro de digitação e o seu carregador possui 22.000 mAh e não 2.200 mAh, os cálculos estaria corretos.
    Espero ter ajudado quando outros leitores forem calcular nos seus casos específicos.

    Lags

    • Goku San

      o mAh é dividido por mil correto ? eu quero comprar um power bank de 10.000Mah não sei a voltagem na descrição do produto no site não marca, mas digamos que seja 5.3V…a conta seria 10.000 x 5.3 = 53.000/1000= 53Wh ou seja estaria dentro do limite permitido pelas cia correto ?

      • Lags

        Exatamente… mAh dividido por 1.000 é igual a Ah. É o mesmo que 1.000mm (milimetro) ser igual a 1m (metro).