Roteiro de 7 dias no Rio de Janeiro [Parte I]

hhhhh
4 Trilhas imperdíveis no Rio de Janeiro
8 de junho de 2016
Sem Título-1
Eu não quero ser sua ídola. Eu quero ser sua inspiração! [carta à irmãzinha]
11 de junho de 2016
 
Conhecendo o Rio de Janeiro em uma semana [Parte I]
[Você pode ler esse relato ao som de Aquele Abraço]


Ainnn! Esse artigo vai ser mó nostalgia pra mim cara, porque esse roteiro foi inspirado na vinda do meu namorado tcheco ao Rio! O meu carequinha ficou aqui só por duas semaninhas e tivemos que nos virar nos 30 pra ele conhecer os pontos turísticos mais badalados do Rio em tão pouco tempo.

Aí você me pergunta: Mas Mary, duas semanas não tá mais do que suficiente pra conhecer o Rio? E eu te respondo: Tá sim! O Rio você conhece em uma semana e pronto! Já pode até riscar da sua lista de lugares pra visitar. O problema é que quando o Mark (meu namorado. Gravem esse nome porque vai aparecer direto por aqui) veio, ele queria conhecer a Região do Lagos e Ilha Grande, tudo junto e misturado! Então, foi uma loucura! No final nem conseguimos realizar a missão com sucesso, porque choveu! :(

OBS.1: Como ele queria ver muita natureza, acabamos fugindo um pouco do roteiro de museus. Então se você curte museu, desculpa aí! Foi malzão mesmo!

OBS.2: Levem em consideração que eu moro na Freguesia (Zona Oeste do Rio) e que meu tempo de locomoção entre casa e pontos turísticos (a maioria concentrado na Zona Sul) é em média de 2 horas (podendo ser muito mais ou um pouquinho menos rs).

OBS.3: Não coloquei as formas de acesso aos locais, porque vai depender da onde você vai tá vindo, né?. Então, é melhor você jogar no Google maps ou no Waze e seguir as instruções deles, até porque eles explicam muito melhor do que eu.

Decidi escrever esse artigo pra galera que quer conhecer a Cidade Maravilhosa em 7 dias! A forma como você vai organizar os passeios, depende da onde você vai estar hospedado e da sua disposição para visitar os lugares no mesmo dia.

PS: Lembrando que vou listar os pontos turísticos mais tradicionais e badalados do Rio, mas é sempre bom dar uma pesquisada em duas ou três fontes diferentes para incluir mais locais que queira visitar!

Vamos à lista!

fundo parallax

É tanta fauna e tanta flora que você não sabe como descrever a beleza do Rio. Gratidão talvez seja a palavra certa!

 
1. Jardim Botânico
O Jardim Botânico do Rio fica localizado no bairro Jardim Botânico entre Gávea, Lagoa e Botafogo (fica tudo pertinho um do outro). É um lugar super tranquilo para fazer passeios em família, com namorados e até pra sentar e ler um bom livro.

A entrada no parque custa R$ 10,00 preço único e só aceita dinheiro.

Não perca o ticket! Você pode utilizá-lo para entrar e sair do parque quantas vezes quiser no mesmo dia!

Dica: Tome um café delicioso na Cafeteria La Bicyclette que tem do lado de fora do Parque à esquerda. Os preços não são tão baratos, mas é tudo muito gostoso e vale a pena sentar ali depois de algumas voltas pelo Jardim Botânico.

O Jardim Botânico fica aberto das 8:00 às 17:00.

Mais informações no site: http://www.jbrj.gov.br/

 
2. Parque Lage
O Parque Lage também fica localizado no bairro Jardim Botânico e fica próximo ao Jardim Botânico, até dá pra ir a pé (30/40 minutinhos), mas compensa mais pegar um ônibus (qualquer ônibus sentido Botafogo passa em frente ao Parque Lage, peça ao motorista pra te avisar em qual ponto descer).

A entrada no Parque Lage é gratuita e você curte uma natureza super exuberante e altas paisagens lindas, como o interior da Escola de Arte que é super famoso pelas fotos dos turistas. O prédio da Escola de Artes tem um interior repleto de detalhes e o centro é aberto, com uma piscina decorativa no meio e uma visão linda do Cristo (quando não tá nublado, é claro) atrás.

Ao fundo à sua esquerda, você verá um café super charmoso, onde pode sentar e curtir a tranquilidade do local enquanto se delicia com as gostosuras que eles vendem lá!

Do lado de fora também tem uns carrinhos de comida (estilo food truck) com umas mesinhas super fofas. Caraaaa é tudo muito lindo e aconchegante lá no Parque Lage! Dá um pulinho lá e confere!

O Parque Lage fica aberto das 9:00 às 20:30

Mais informações no site: http://eavparquelage.rj.gov.br/

 
3. Lagoa Rodrigo de Freitas
A Lagoa é famosa por ser, literalmente, o coração do Rio, já que seus 8 Km de extensão formam um lindo e torto coração. Esse é o lugar ideal pra você alugar uma bicicleta – o valor varia entre R$ 10,00 e R$ 25,00 dependendo do modelo que você escolher - (ou alugar as bikes do Itaú) e pedalar sem pressa pra nada! Dá pra fazer também uma bela caminhada e curtir uma paisagem sensacional.

Ah! Tem uma parte da Lagoa que aluga pedalinhos por 30 minutos e você pode fazer um passeio super família ou super romântico, depende da sua vibe, né? Não sei o valor, mas deve ser em torno de uns R$ 25,00 (acho).

Além do entretenimento, você encontrará VÁRIOS restaurantes ao longo da Lagoa, todos com um precinho ó SALGADÍSSIMO! Os restaurantes tem um padrão de cardápio estilo Zona Sul, então pra quem tá acostumada a pagar R$ 13,00 no prato feito aqui na Freguesia (até R$ 30,00 vai), de fato, ver pratos custando entre R$ 60,00 e R$ 120,00 por pessoa me assustou um pouco! Mas, vai da experiência que cada um quer ter! Há dois anos eu comi super bem num restaurante na Lagoa por R$ 40,00, mas acho que a inflação aumentou muito os valores cobrados por lá! #sacanagem #vacilo

 
4. Mirante do Michael Jackson na favela Dona Marta
O Mirante do Michael Jackson é uma das várias atrações que você encontra na favela Dona Marta. Você pode conhecer o mirante sozinho sem auxílio de guia, subindo de bondinho (gratuito) e descendo na quarta parada (se estiver funcionando) ou ir até a quinta e última parada e ir descendo a pé.

Mas, acredito que o passeio mais completo com um guia vale mais a pena, porque ele vai te contando várias curiosidades sobre a comunidade, anda com você pelos becos do morro, te mostra pontos que você não conheceria sozinho e te mostra os lugares que foram usados em cenas de vários filmes famosos como Velozes e Furiosos 5.

O Mirante do Michael Jackson ficou conhecido assim, depois que fizeram uma homenagem ao cantor com uma estátua de bronze dele em tamanho real em 2010. Michael (olha eu super íntima, né? rs) visitou o morro em 1996 pra gravar partes do clipe da música “They Don’t Care About Us”. Ele gravou 3 horinhas só no morro e intercalou cenas do Dona Marta com cenas do Pelourinho em Salvador. Dá uma conferia aqui no clipe completo.

Além do mirante do Michael Jackson, você pode visitar as aulas de bateria na comunidade, basta se informar na internet as datas e horários. Um dos blocos de carnaval mais famosos do Rio ensaiam na quadra do Dona Marta: O bloco carnavalesco Spanta Neném!

Pra quem ficou interessado em explorar o Dona Marta na companhia de um guia, eu e Mark conhecemos o Dylan, um menino super gente boa, morador da comunidade que fala 5 línguas e conta altas histórias iradas da favela. Ele faz um tour comunitário de 1h30 e no final você paga o valor que achar que ele merece!

Eu e Mark chegamos no Dona Marta pra subir sozinhos de bondinho, mas achamos o Dylan no meio do caminho e ele se ofereceu pra ser nosso guia. Nós amamos! Eles foi super atencioso com o Mark e no final nós demos R$ 50,00 ao todo (R$ 25,00 pra cada) e ele ficou super feliz e nós super satisfeitos (depois o Mark entrou na internet pra conferir tudo que o garoto tinha dito, porque ele ficou super impressionado com todas as histórias... e pior que era tudo verdade rs)!

Pra quem quiser fazer o tour comunitário com o Dylan, segue o número do celular que também é Whatsapp: 21 97971-8197

 
5. Forte de Copacabana
O Forte de Copacabana é uma parada estratégica! Isso porque o Forte de Copacabana fica localizado entre as praias de Ipanema/Arpoador e Copacabana.

Pra quem acordou de manhã cedinho já na disposição de conhecer o Rio, vale a pena tomar o café da manhã na Confeitaria Colombo de lá. A vista é sensacional e o café da manhã é imperdível, apesar do valor ser um pouco salgado, mas vale muito a pena!

Se você já tomou café da manhã e tá procurando um local pra descansar depois de uma longa caminhada pela praia de Ipanema, vale sentar no Forte de Copacabana, tomar um cafezinho e relaxar apreciando aquela vista maravilhosa!

O Forte de Copacabana fica aberto das 10:00 às 20:00 (exceto segundas-feiras).

Mais informações no site: http://www.fortedecopacabana.com/

 
6. Praia de Copacabana
A praia de Copacabana é famosa pelo belíssimo Copacabana Palace, mas só pra ver mesmo, porque só sendo milionário pra conseguir um quartinho lá! #queriaserrica

Ah! Claro que eu não poderia esquecer da famosa estátua de Carlos Drummond de Andrade e seu famoso óculos! A estátua fica no calçadão de Copacabana em frente ao Hotel Sofitel e você pode tirar várias fotos: você, Carlos e a praia de Copacabana ao fundo! #essavaiproface Tomara que você dê sorte de pegar ele usando óculos, porque vira e mexe nego rouba o óculos dele, tadinho cara!

Ah!!!! É na Praia de Copacabana que tem a famosa queima de fogos do Rio de Janeiro!

Obs: Aos domingos a orla da Praia de Copacabana fica fechada para carros. Então, a galera aproveita para curtir o asfalto andando de skate, patins, bicicleta...

 
7. Praia de Ipanema
A praia de Ipanema é super famosa por causa da música “Garota de Ipanema” e, é claro, por causa da sua beleza. A praia fica super lotada no verão e até fora de época (sério! Essa praia é a mais badalada da Zona Sul). Com uma área de areia gigante, os banhistas dividem espaço com os esportes de praia: vôlei, futevôlei, altinha, frescobol, slackline, crossfit, treino funcional e por aí vai. Tem espaço pra todo mundo! Acredito que seja a praia mais cosmopolita e eclética do Rio!

Obs: Aos domingos a orla da Praia de Ipanema também fica fechada para carros. Então, a galera aproveita para curtir o asfalto andando de skate, patins, bicicleta...

 
8. Praia do Arpoador
A praia do Arpoador é famosa pelo por do sol, principalmente, no verão quando o sol fica mais forte e é possível ver ele descendo a linha do horizonte perfeitamente!

Há alguns meses, a praia do Arpoador perdeu seu espaço de areia (que já era bem restrito) pro mar, que avançou depois de forte chuvas no mês de março de 2016. Agora, quem curte mais essa área são os surfistas.

Mas, o por do sol com salva de palmas continua tinindo! Então, se você quer ver o por do sol mais bonito do Rio, sente na pedra do Arpoador e contemple o espetáculo mais bonito da natureza e, claro, lembre-se de bater palmas pro sol como forma de gratidão pelo dia incrível que se foi!

 
9. Praia do Leme
A praia do Leme é a extensão da praia de Copacabana, mas agora com uma nova atração: A estátua da famosa escritora Clarice Lispector, que te permite tirar altas fotos com a praia de Copacabana, o morro Dois Irmãos e a Pedra da Gávea ao fundo. Vale a pena dar uma conferida!

 
10. Praia da Urca ou Praia Vermelha
A praia Vermelha é bem menos frequentada que as praias de Copacabana e Ipanema, muito por causa da sua extensão que é bem pequena e por causa da distância do fervo da Zona Sul.

Mas, atrás da sua pequenez ela guarda uma paisagem sensacional digna de diversos cartões postais do Rio: o Morro do Pão de Açúcar. Da praia Vermelha você consegue pegar um solzinho e ver os bondinhos indo e vindo e ainda contemplar a belíssima paisagem daquele lugar super tranquilo!

 
11. Praia da Joatinga
A praia da Joatinga tem um acesso super limitado e bem mais difícil que as outras praias, mas também reserva um visual sensacional. É como se fosse uma praia particular de tão pequena (mas não é).

Essa praia é meio de veneta, você só consegue curtir um dia de sol, torrando na areia se a maré estiver baixa, porque se a maré subir cobre toda extensão de areia e aí adeus ao bronzeado jambo.

Essa praia é muito famosa entre os surfistas porque as ondas, geralmente, são bem boas pra esse esporte e a galera que curte um frescobol e uma altinha também se diverte nessa praia.

 
12. Praia da Barra da Tijuca
A praia da Barra é a minha preferida (talvez porque seja a praia mais próxima da minha casa rs). Eu amo a praia da Barra porque eu amo pegar uns jacarés (surfar a onda com seu próprio corpo, sabe? Se não sabe, me manda um email que a gente marca uma praia juntos e eu te ensino) e lá eu sei que quase sempre tem ondas perfeitas pra isso!

A praia da Barra também é super famosa pelo kitesurf e Stand Up Paddle ali entre os postos 3 e Quebra-mar. Só pra vocês saberem (caso deem uma passadinha pela praia da Barra), eu sempre fico no posto 3 ou no posto 5, são meus postos preferidos!

 
13. Mureta da Urca
Esse ponto é famoso pelos chopps com a galera. Muitos amigos e colegas de trabalho marcam um happy hour na mureta da Urca porque o lugar está em um dos bairros mais seguros do Rio, é super tranquilo e maravilhoso (o visual é a Baía de Guanabara com vários barquinhos parados e o Cristo de pano de fundo)!

Ver um por do sol na mureta da Urca também vale super a pena, tomando uma cervejinha e comendo uns petisquinhos com os amigos!

Vários artistas e cantores famosos moram no bairro da Urca e esse é um dos metros quadrados mais caros do Rio! Uma curiosidade: O Rei Roberto Carlos mora lá! rs


Espero que tenham curtido a listinha de lugares pra conhecer no Rio! Tá pensando que é só isso? Ihhh! Tem muitooo mais coisa pra você fazer na Cidade Maravilhosa! Olha aqui a PARTE II. Qualquer dúvida me manda um e-mail tá?

 
Maryana Teles
Maryana Teles
Carioca, publicitária e apaixonada (digamos que, talvez, viciada) por viagens de estilo low cost. 25 países na bagagem e muitas histórias, micos, dicas e inspirações pra quem também vive (ou quer viver) uma VIDA MOCHILEIRA!

Os comentários estão encerrados.