Como fazer um voluntariado em casal ou com amigos

0
Worldpackers com amigos

Oiii!

Eu acabei de voltar de um voluntariado pela Worldpackers onde fiquei quase 2 semanas trabalhando numa fazenda sustentável no sul da França. A experiência foi incrível e eu aprendi muita coisa: desde comer legumes rsrsrs (coisa que eu não fazia nem amarrada à força) até fazer uma cerca do zero a partir de caixas de paletes velhos. Eu também conheci muitas pessoas legais e interessantes e saí totalmente da minha zona de conforto.

Dessa vez, eu não fui sozinha! Pra quem não sabe, eu já tinha feito um voluntariado com a Worldpackers uma vez no Brasil, em Paraty. Na experiência do Brasil eu fiquei 4 dias trabalhando numa pousada e a minha carga horária era de 6 horas flexíveis com direito à uma refeição por dia. Eu fiz um post contanto sobre essa minha experiência de Worldpackers em Paraty. Tem também um vídeo que eu mostro como era meu trabalho nesse voluntariado:

Nessa viagem de voluntariado na França eu fui com uma amiga que conheci em Lisboa em março de 2019. Essa história é engraçada e vale ser contada! A Andrea me seguia no Instagram e por causa de alguns stories que eu fiz ela viu que eu participaria de um evento de bate-papo com mulheres viajantes. Ela apareceu no bate-papo e logo nos conectamos. Ela contou um pouco das experiências de viagem dela e disse que estava viajando por tempo indeterminado por esse mundão e, o mais legal, só usando a Worldpackers como forma de acomodação! Já foram mais de 5 voluntariados pela Europa em 5 países diferentes em menos de 6 meses.

Quando ela me falou isso, eu pirei! Eu tinha feito meu único Worldpackers em Paraty no Brasil e já tava cheia de fogo no rabo pra viver outra experiência de voluntariado durante uma viagem, por vários motivos: o primeiro é que economiza muito com hospedagem, o segundo é que economiza com alimentação e o terceiro e principal é que você conhece pessoas incríveis de forma mais profunda, já que convive com essas pessoas por um certo tempo!

Como eu já tava querendo viver outra experiência de Worldpackers, agora na Europa, eu perguntei se ela não gostaria de ir comigo! E a resposta dela foi a melhor de todas: Me diz quando, aonde e quanto tempo ficaremos!

Trocamos os nossos números de whatsapp e começamos a buscar o nosso futuro anfitrião. A gente já sabia quando seria (junho de 2019) e por quanto tempo ficaríamos (entre 10 e 14 dias), mas ainda faltava decidir aonde seria nosso voluntariado e, como não tínhamos muitas preferências, deixamos o destino escolher hahahahaa (pior que foi bem isso mesmo rsrs).

A gente tinha flexibilidade de lugar: podia ser qualquer lugar dentro da Europa que não tivesse como pré-requisito algum tipo de visto (isso era fácil já que 99% dos anfitriões da Europa não pedem visto – você enquanto turista pode trabalhar como voluntário dentro do prazo de 90 dias no espaço do Schengen);

As nossas datas não eram flexíveis porque na época que eu apliquei pras vagas de voluntariado eu ainda trabalhava como garçonete num restaurante aqui na Inglaterra e meu período de férias ia do dia 16/6 ao dia 3/7, então tinha que ser nessas datas);

Não fazíamos questão de um lugar específico: Podia ser qualquer cidade em qualquer país, não tínhamos preferência.

Queríamos um projeto que tivesse propósito: Como a Andrea já tinha feito 5 voluntariados em hostels pela Europa e a minha única experiência tinha sido numa pousada, a gente começou a buscar projetos que tivessem um propósito, por isso buscamos no aplicativo da Worldpackers por esses tipos de vagas através do filtro de Impacto social (ONG’s) e Programas ecológicos (fazendas e permacultura).

 

COMO FAZER UM VOLUNTARIADO EM CASAL OU COM AMIGOS

-A primeira coisa a ser feita é decidir o local e as datas que vocês querem fazer o voluntariado, isso facilita muito na hora da busca do anfitrião através dos filtros do aplicativo da Worldpackers.

Por exemplo, eu e Andrea tínhamos as datas certas, mas não tínhamos um lugar específico, nosso único requisito era que fosse qualquer lugar dentro da Europa. Então, na hora de fazer a nossa busca de anfitrião no aplicativo, em vez de selecionarmos um país, selecionamos Europa e fomos avaliando todos os anfitriões que nos interessavam e vendo se tinham vagas pros dias específicos que podíamos ir.

-Definia junto com seu parceiro ou com seu amigo que tipo de experiência vocês querem viver: Trabalhos a partir das habilidades de vocês, trabalhos de impacto social (ONG’s) ou trabalhos em programas ecológicos (fazendas e permacultura). Isso também facilita muito na hora de buscar um anfitrião.

Por exemplo, eu e Andrea chegamos a filtrar apenas por Europa (sem filtrar o tipo de trabalho) e estávamos dispostas a pegar qualquer trabalho desde que a gente conseguisse ficar no mesmo anfitrião, mas depois viemos com essa necessidade de fazer um trabalho que tivesse mais propósito e por isso, na hora de buscar usamos o filtro: Europa + Impacto social + programas ecológicos.

-O próximo passo é vocês avaliarem juntos quais são os anfitriões que vocês mais gostaram. Vão aparecer dezenas de opções e vocês precisam levar em consideração várias coisas: está disponível nas datas que vocês querem? Tem boas recomendações de outros voluntários? Qual é o tempo de resposta do anfitrião? Tem recomendações recentes?

-Façam uma lista de 10 a 20 anfitriões e apliquem juntos no mesmo dia. Cada pessoa precisa ter a sua anuidade (cada um precisa ter pagado os 49,00 dólares pra ser membro da Worldpackers – se usar o código VIDAMOCHILEIRAWP ganha 10,00 dólares de desconto e só paga 39,00 dólares por ano) e na hora de aplicar pra vaga é só mencionar que você está indo com a outra pessoa e a outra pessoa fazer o mesmo com você! ⠀
Então, quando eu e Andrea aplicamos, a gente fez uma lista de 8 anfitriões em diferentes países (eram 8 anfitriões em 8 países diferentes rsrsrsrs) e enviamos uma mensagem dizendo que estávamos indo com uma amiga (colocávamos o nome uma da outra) e que essa amiga ia aplicar logo em seguida.


EXEMPLO DO MEU TEXTO DE APLICAÇÃO PROS ANFITRIÕES DA WORLDPACKERS

Hello! My name is Maryana Teles, I’m from Rio de Janeiro, but I’ve lived in England over for 4 years. I graduated in Advertising in Brazil and I lived in Thailand for 3 months where I took my certification as a Divemaster.

I have experience in events production and marketing and I also have experience as a bartender, waitress, nanny, chef (part of the salads and desserts) and I believe I can help your hostel in many ways, from manual work (handyman) to the publicity and social media jobs.

I currently work as a travel content creator and one of my goals is to promote as many destinations as I can for Brazilian travellers, in order to address topics such as academic studies, gastronomy, historical and cultural attractions, religious sites, natural beauty attractions and all the travel and tourism tips.

Portuguese is my native language, but I also speak fluent English and I can understand Spanish (basic).

I’m applying along with a friend who is also a Brazilian and her name is Andrea Leonel. It would be awesome if we could work together in the same hostel because we are travelling together around Europe. She is going to apply later on today.

I hope to see you soon.

Mary


É importante você ter em mente que os estabelecimentos cadastrados na Worldpackers recebem centenas de aplicações todos os dias e que eles precisam acomodar os voluntários nas datas importantes pra eles e não tentar te encaixar porque o seu roteiro de viagem é aquele. A ideia da Worldpackers é que os voluntários ajudem os estabelecimentos e em troca ganhem acomodação e comida. Por isso, saiba que o período de férias escolares é quando os estabelecimentos mais precisam de voluntários e consequentemente é o período mais procurado pra se fazer voluntariado, ou seja, se você e seu parceiro quiserem fazer um voluntariado juntos durante as férias escolares, é extremamente importante que vocês apliquem pras vagas, com no mínimo, 2 meses de antecedência.

Se vocês tiverem flexibilidade de datas e lugares ajuda bastante na hora de achar um anfitrião que acomode os dois no mesmo voluntariado, no entanto, ainda sim é recomendando aplicar com, pelo menos, 2 meses de antecedência.

 

E QUANDO UMA PESSOA É ACEITA NO VOLUNTARIADO E A OUTRA NÃO?

Aconteceu isso comigo e com a Andrea. A gente aplicou pra um anfitrião na Albânia que me respondeu e não respondeu a Andrea. Aí, mandei uma mensagem perguntando se o anfitrião tinha visto a aplicação da Andrea e se ela poderia fazer o voluntariado comigo. A pessoa respondeu que sim pra mim (que a Andrea poderia fazer o voluntariado comigo), mas em nenhum momento respondeu a aplicação da Andrea.

Achamos isso muito estranho porque quando você é convidado formalmente pra ser voluntário em algum estabelecimento, você recebe um convite do anfitrião pra aceitar ou recusar a oferta de voluntariado, quando você clica em aceitar, você meio que deixa acordado oficialmente aquele voluntariado e se você não recebe esse convite fica meio que o famoso “disse-me-disse”.

Então, como eu recebi o convite e a Andrea não recebeu nenhuma mensagem do anfitrião e nem mesmo o convite formal no aplicativo dela, a gente decidiu não aceitar aquele voluntariado, porque sem esse aceite formal, se desse merda no anfitrião e a gente quisesse recorrer ao seguro Worldpackers a gente não teria uma prova do que ficou acordado (por isso, é extremamente importante manter todas as conversas com o anfitrião no aplicativo da Worldpackers e também aceitar formalmente o voluntariado através do convite).

Aí, ignoramos esse anfitrião e continuamos aplicando pra vários anfitriões até um anfitrião aceitar as duas formalmente com o convite de voluntariado.

O QUE É O SEGURO WORLDPACKERS?

O seguro de viagem da Worldpackers funciona assim: se por algum motivo o anfitrião não respeitar o acordo feito previamente através da plataforma, durante a primeira semana, a Worldpackers pagará ao viajante 3 noites de hospedagem em outro hostel na mesma cidade e o suporte da plataforma atuará ativamente na realocação daquele viajante em outro anfitrião na mesma cidade. Além disso, o anfitrião que desrespeitou o acordo feito com o viajante será penalizado (depois da análise do caso) tendo seu estabelecimento retirado da plataforma.

No entanto, a plataforma não cobre o seguro viagem de acidentes, emergência médica, extravio de malas e voos cancelados, por exemplo. É muito importante que você tenha um seguro viagem que vá te dar a tranquilidade de viajar de forma segura.

Fazer seguro viagem é trabalhar com possibilidades. Se acontecer algo durante a viagem e eu não tiver seguro vou conseguir arcar com as despesas? Ou é melhor eu me precaver pagando um valor relativamente baixo (se comparado a tudo que o seguro cobre) que vai me dar mais segurança de estar coberta pra qualquer imprevisto, desde perda de bagagem, roubos e acidentes.

Eu explico tudo sobre seguro viagem, onde fazer, quanto é e se vale a pena nesse post: “Preciso fazer seguro viagem pra viajar?” 

 

PODE APLICAR PRA VÁRIAS VAGAS DE VOLUNTARIADO AO MESMO TEMPO?

Não só pode, como é muito recomendando que você aplique pra vários anfitriões ao mesmo tempo, já que investir todas as suas fichas em apenas um anfitrião pode ser muito arriscado.

Como a gente já falou antes, os anfitriões recebem várias aplicações todos os dias e também tem a questão de alguns voluntários ficarem bastante tempo no estabelecimento suprindo as necessidades que aquele anfitrião tem e aí pode ser que só abra vaga pra um novo voluntário quando aqueles voluntários antigos forem embora ou quando a demanda por ajuda aumentar.

Por isso, a questão da flexibilidade de datas e lugares é tão importante. Mas, mais do que isso, é importante também você trabalhar com muitas opções, pra em vez de depender de uma única resposta poder escolher dentre as várias respostas que você vai receber a que você mais quer ir!

Aconteceu isso comigo e com a Andrea. A gente aplicou pra 8 anfitriões diferentes e três ou quatro anfitriões deram sinal de positivo pra gente e aí, no final, a gente pôde escolher o que a gente mais queria ir em vez de ficar rezando pra sermos aceitas em apenas um!

 

SE EU FIZER UM VOLUNTARIADO PELA WORLDPACKERS EU POSSO CONVIDAR UM AMIGO PRA DORMIR NO HOSTEL QUE EU TRABALHO?

Não! Apesar do estabelecimento estar te dando acomodação e comida (em troca do seu trabalho), isso não significa que aquela é a sua casa e que você pode convidar os seus amigos pra dormirem lá de graça.

Se você estiver viajando com um amigo, ótimo! Os dois podem fazer o mesmo voluntariado, desde que os dois tenham uma anuidade (cada um com a sua) e os dois tenham aplicado pro mesmo anfitrião e os dois tenham sido aceitos. Se um foi aceito e o outro não, é melhor procurar um anfitrião que aceite os dois, porque convidar amigos pra dormir de graça não rola!

Entenda que durante a viagem, o voluntariado é o seu trabalho e que o seu pagamento é a acomodação e comida. Se seu amigo não trabalha no anfitrião, ele não ganha o mesmo pagamento que você. Se ele quiser dormir no hostel que você está trabalhando, ele vai ter que pagar pela diária como um hóspede qualquer. É muito feio tentar burlar essas regras básicas de diretrizes da Worldpackers.

 

A COMIDA TAMBÉM ESTÁ INCLUÍDA NO VOLUNTARIADO?

Sim! A maioria dos anfitriões oferece, pelo menos, uma refeição de graça incluída no voluntariado. Tem alguns anfitriões que, inclusive, oferecem três refeições de graça por dia. Por isso, quando você for ver os benefícios de cada anfitrião é legal ficar atento a essa parte da comida, já que dessa forma você pode economizar bastante.

Outra dica também, é filtrar por anfitriões que ofereçam de graça as três refeições por dia (tem como fazer isso na hora de fazer a busca). Mas, mesmo que isso esteja escrito na descrição da vaga, é sempre legal perguntar novamente no chat (depois que o anfitrião responder a sua aplicação) quais são as refeições incluídas no voluntariado.

OBS: Quando eu e Andrea aplicamos pra uma vaga numa fazenda no sul da França, na descrição dizia que teríamos três refeições incluídas, mas quando o anfitrião respondeu a gente, ele enviou tipo um manual de boas-vindas da fazenda onde dizia que era preciso pagar 3,50 euros por dia pra ajudar na compra de comida.

Apesar o valor não ter sido caro (já que pagamos 3,50 euros por dia e comemos muito bem), isso foi uma surpresa pra gente, já que na descrição da vaga dizia que as três refeições eram um benefício do voluntariado. Depois que você sai do voluntariado, você recebe um email pra deixar um feedback público sobre o lugar e um feedback específico pro anfitrião. Eu e Andrea deixamos um feedback pro anfitrião pedindo pra ele mudar essa questão da comida na descrição da vaga.

POSSO FAZER WORLDPACKERS COM A MINHA FILHA OU COM O MEU PAI?

Pode sim! Você pode fazer voluntariado com quem você quiser (pai, mãe, filhos, sobrinhos, afilhados, netos, avós…). Precisa apenas ser maior de idade (não tem limite de idade). Cada pessoa precisa ter a sua anuidade e na hora de aplicar pra vaga é só mencionar que está indo com a outra pessoa e a outra pessoa fazer o mesmo com você! ⠀

 

TEM IDADE MÍNIMA E IDADE MÁXIMA PRA FAZER WORLDPACKERS?

Idade mínima: 18 anos

Idade máxima: Não tem!

 

CONFIRME COM O ANFITRIÃO QUAIS SERÃO AS SUAS FUNÇÕES E TIRE TODAS AS SUAS DÚVIDAS

Uma das principais coisas a serem feitas depois que o anfitrião responde a sua aplicação é perguntar tudo sobre a vaga: confirmar quantos dias e horas de trabalhos, se o anfitrião sabe dizer qual será o horário do seu shift, se tem dias certos para as folgas, o que ele espera de você, qual será o tipo de acomodação oferecida (quarto privado, compartilhado, tenda…), quantas refeições por dia você terá direito e quais, etc.

Todas essas perguntas podem já ter sido respondidas na descrição da vaga, mas é importante as duas partes (o anfitrião e você) alinharem expectativas e deixar tudo acordado direitinho até mesmo pra você poder programar as coisas que fará antes ou depois do trabalho e nos seus dias de folga.

 

TEM COMO GARANTIR QUE AS FOLGAS DO CASAL SERÃO JUNTAS?

Infelizmente não tem como garantir isso. Alguns anfitriões permitem que você e seu parceiro tirem folgas no mesmo dia, mas não tem como garantir, porque vocês estão ali, primeiramente, pra ajudar o estabelecimento. Então, o anfitrião vai alocar vocês nos horários e dias que ele precisa.

Mas, vocês vão trabalhar apenas algumas horas do dia, então, mesmo que as folgas não sejam juntas, vocês ainda sim conseguem curtir a cidade juntos antes ou depois do shift. Mas, se tirar folga juntos é um requisito pra vocês, conversem isso com o anfitrião no chat antes de aceitarem a vaga e tentem negociar isso da melhor forma possível pra todas as partes envolvidas.

 

VOCÊ PODE TIRAR DÚVIDAS COM VIAJANTES EXPERTS

Os experts são pessoas que já fizeram mais de 5 viagens através da Worldpackers e que podem responder todas as suas dúvidas sobre a plataforma de maneira quase que imediata. A responsabilidade dos experts é fornecer, o mais rápido possível, uma resposta pra sua pergunta seja ela qual for.

Você pode fazer perguntas sobre a plataforma, de uma maneira geral, ou pode fazer perguntas específicas pra viajantes que já fizeram voluntariado naquele anfitrião específico que você quer aplicar também.

A Andrea se tornou uma expert (ela tá indo pro sétimo voluntariado pela Worldpackers), então, caso vocês tenham dúvidas sobre a plataforma ou queiram dicas de anfitriões irados ela pode responder AQUI!

Como fazer um voluntariado em casal ou com amigos

COMO FAZ PRA VIAJAR PELA WORLDPACKERS

As oportunidades da Worldpackers estão abertas pra que qualquer pessoa possa fazer pesquisas no site, ou seja, você pode acessar agora https://www.worldpackers.com/ e procurar destinos que tanto sonhou em conhecer e procurar anfitriões que se conectem com seus objetivos de viagem.

Você vai conseguir ter acesso a todos os projetos e ver todas as oportunidades e benefícios que cada anfitrião oferece. Vai conseguir checar se aquela cidade que você quer conhecer tem anfitriões legais pra te receber, vai conseguir entender se o que eles te pedem você consegue oferecer e vai conseguir ver que dá pra conciliar o trabalho com o turismo no local.

No entanto, pra ter acesso à:

– Candidatura nas vagas;

– Conversas com os anfitriões;

– Confirmação de aceite da hospedagem;

– Suporte da Worldpackers antes, durante e depois da viagem;

– Uma conta verificada que aumenta suas chances de ser aceito pelos anfitriões.

Você precisa pagar 49,00 dólares anuais! Você só paga uma vez e pode usar quantas vezes você quiser em quais países você quiser por 365 dias a partir do dia que você faz sua inscrição! Ahhh! Esse valor de 49,00 dólares é fixo, ou seja, todo mundo paga a mesma taxa de inscrição não importa que destino escolha ir primeiro, já que a plataforma te dá direito de viajar pelo mundo todo num prazo de 1 ano com essa única taxa.

OBS: Usando meu código VIDAMOCHILEIRAWP você ganha 10,00 dólares de desconto e só paga 39,00 dólares por ano pra viajar de forma ilimitada pra onde você quiser sem pagar por acomodação e muitas vezes sem gastar, ou gastando muito pouco, com comida.

USE O DESCONTO AGORA E VIAJE MUITO MAIS VEZES POR ANO!

TE GARANTO QUE VOCÊ NÃO VAI SE ARREPENDER!

Pense nas viagens que você quer fazer, se planeje e se cadastre na Worldpackers pra fazer viagens mais econômicas e com um tipo de vivência completamente diferente.

DICA ESPERTA: O dólar tá caro sim e muita gente vai usar o argumento de que não tem R$ 147,00 reais pra gastar, mas o que eu posso te dizer é que esse dinheiro não será um gasto e sim um investimento em viagens futuras.

Se você gosta de viajar, vale a pena investir uma única vez esses 39,00 dólares pra usar a plataforma quantas vezes quiser, não gastar com acomodação em nenhum dos destinos que você for, não gastar (ou gastar muito pouco) com comida e ter uma experiência de turismo diferente através dos olhos de quem é nativo ou mora lá há muitos anos.

 

Espero que esse post tenha sido útil e se você conhece alguma pessoa que precisa ler isso, compartilha o link com ela!

Ahhh! Me segue lá no Instagram (@vidamochileira) pra ver as minhas aventuras em tempo real.

Beijos

Mary⠀

 

Gostou das dicas do blog?

Toda vez que você usa um link do blog, eu ganho uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso (nadinha)! Você simplesmente me ajuda a continuar produzindo conteúdos que, com certeza, vão te ajudar nas suas próximas viagens!

Os links do Vida Mochileira são de serviços que eu mesma uso e recomendo:

– Worldpackers ($10 dólares OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRAWP): Worldpackers
– Hospedagem: Booking.com, Airbnb
– Passeios no Atacama, Salar de Uyuni e Santiago (10% OFF VIDAMOCHILEIRA10): @fuigosteitrips
– Seguro Viagem (5% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA5): Seguros Promo
– Seguro Viagem para viagens longas e nômades digitais ($37 dólares por 4 semanas): SafetyWing
– Chip de Internet (10% OFF usando o cupom VIDAMOCHILEIRA10): Chip de Internet Yes Brasil
– Consultoria de viagens comigo: vidamochileira@gmail.com
– Aluguel de carro: Rentcars

Muito Obrigada! Me segue também no Instagram (@vidamochileira) pra acompanhar minhas aventuras!